Sua saúde depende dos seus hormônios (e muito!)

É comum ouvir dizer que os hormônios podem causar isso ou aquilo e são responsáveis por alguns sintomas. Um exemplo comum é a menopausa em que as mulheres fazem reposição hormonal para voltar aos níveis normais.

As mulheres também tomam hormônios com bastante frequência, como é o caso das pílulas anticoncepcionais.

Diversos relatos mostram o perigo de tomar hormônios e que podem ter diversas consequências, algumas bem graves.

O grande problema disso é a interpretação que fazem dos efeitos colaterais. Todos os casos de distúrbios após tomar hormônios acontecem por dosagem de hormônios sintéticos, artificiais, criados pelos laboratório farmacêuticos.

labs

O nosso corpo só suporta componentes que são naturais e nosso corpo fabrica. Como é o caso da testosterona, melatonina, estrogênio, entre outros hormônios.

Os medicamentos alteram a estrutura molecular, portanto é como se fosse colocar uma chave X em uma fechadura Y. Vai contra a natureza, seria um corpo estranho.

Aliás, sabe por que a indústria farmacêutica cria hormônios com estrutura molecular diferente da natural?

Porque se copiassem igual não poderiam patentear e vender com exclusividade até a expiração da patente. Justamente aí que estão os maiores lucros deste mercado.

A boa notícia que é possível fazer componentes iguais ao que nosso corpo é capaz de receptar naturalmente.

Isso é feito em farmácias de manipulação e até é possível comprar prontas, como por exemplo, a melatonina e Vitamina D3.

Aproveitando o gancho, a famosa Vitamina D na verdade é um hormônio apesar do nome. E um dos mais importantes do nosso corpo!
Com diversas funções para o sistema imunológico e todo tipo de doença.
Pode parecer absurdo mas tomar sol previne contra o câncer de pele! Claro que sabendo ficar no sol, sem protetor, por volta de 15 a 30 minutos, dependendo da região e da tonalidade da pele.

Estes hormônios iguais ao do nosso corpo são chamados de bioidênticos.

A medicina atual e moderna estuda isso com afinco para fazer uma reposição individualizada de acordo com os níveis de cada pessoa.

Isso é detectado por exames, principalmente o salivar.

Com posse das informações, um médico atualizado nesta área é capaz de prescrever quais e quanto tomar de cada hormônio para equilibrar e sua saúde entrar nos eixos.

Simplifique desta maneira também, a maioria das doenças surgem com a queda e desequilíbrio hormonal. Então sabendo tomar da forma correta, não tenho dúvidas que terá uma vida com qualidade e por muitos anos.

Mas com qual médico se consultar para isso?

Procure quem trabalha com medicina anti-aging (anti envelhecimento), longevidade saudável, nutrologia, ortomolecular, medicina preventiva. E pergunte se o médico realiza modulação hormonal bioidêntica.

Não é só isso que esses médicos geralmente fazem, inclui também uma análise da sua saúde geral.

Para depois também indicar uma reeducação alimentar adequada e também um plano de treinamento físico para você mudar de vida e ter plena saúde.

Você vai acompanhar sua evolução desde o começo, comparando dados como porcentagem de gordura, de músculos, de ossos e depois vendo seus resultados tanto para prevenir doenças como no seu físico.

Um exemplo é o americano chamado Dr. Life que faz extamente esse tipo de tratamento que expliquei acima.
Veja a foto dele antes e depois:

antesdepoislife

Espero que você cuida da sua saúde o quanto antes e saiba que é possível viver sem ter doenças e ficar tomando uma monte de remédios com diversos efeitos colaterais.

Saúde para todos nós e um abraço forte!

Cozinha nova, Cooktop novo

cooktop-elétrico

Poucos meses atrás me mudei para meu apartamento novo e quis ter um cuidado especial com a minha nova cozinha.

Queria que tudo fosse lindo, prático e moderno. Por isso comecei a pesquisar quais eram os eletrodomésticos mais modernos e funcionais.

Gosto muito de cozinhar, mas sempre foi uma tristeza na hora de limpar toda a bagunça, principalmente o fogão.

Por esta razão decidi comprar um daqueles cooktops somente com um tampão de vidro, sem os bocais do fogão normal.

São muito mais fáceis de limpar, não precisa ficar desmontando o fogão e esfregar aquele monte de peças de ferro até sair as crostas de sujeira.

Fora que o espaço que ele ocupa na cozinha é bem menor do que aqueles fogões tradicionais, basta uma bancada para colocar ele em cima.

Comecei a pesquisar os modelos de cooktops que existem por aí e descobri as diferenças entre os modelos e quais os melhores do mercado.

Tipos de Cooktops

Antes achava que todos os cooktops funcionavam com o mesmo sistema, mas descobri que existem 3 tipos: à gás, elétricos e elétricos por indução.

Os à gás são os mais comuns e baratos, porém não são tão bonitos e funcionais como os elétricos e por indução.

Dão o mesmo trabalho para limpar que um fogão tradicional, já que é preciso tirar as bocas e grades pra ficar esfregando…

Além disso você ainda tem que fazer um corte especial na sua bancada, seja de granito ou madeira para encaixar ele. E ainda tem o problema do gás, vai continuar dependendo do velho botijão de gás e a mangueira ligada ao fogão.

Cooktop Elétrico

Os cooktops elétricos são uma maravilha! Uma das melhores invenções já criadas para a cozinha…rs

Não precisam de gás, então você já fica livre de ter que ficar comprando e trocando aqueles botijões de gás pesados e que ocupam espaço.

Entre os elétricos existem dois tipos: o que funciona por resistência elétrica e o outro por indução.

O de resistência elétrica funciona como um chuveiro, existe uma resistência que esquenta através da energia elétrica e acaba transferindo o calor para o tampão de vidro.

Este por resistência é muito bom mas não é tão eficiente quanto o cooktop por indução e você pode se queimar se não tomar cuidado, pois a superfície do tampão de vidro fica muito quente.

Você deve ter pensado: lógico que fica quente, é um fogão!

Mas aí é que o cooktop por indução se sobressai!

panela-cooktop

Ele não esquenta a superfície do tampão e sim a panela que você coloca sobre ele.

Os cooktops por indução funcionam através de um campo eletromagnético que é criado entre a superfície do equipamento e o fundo das panelas.

Por isso você pode colocar a mão sobre o cooktop que não irá se queimar.

Ele ainda desliga automaticamente quando “percebe” que não tem nenhuma panela sobre o fogão.

Como o cooktop por indução esquenta somente a panela, não há calor e energia desperdiçadas, como no fogão à gás e no elétrico por resistência.

Além disso tudo a velocidade que a panela esquenta é muito maior que os outros fogões e a temperatura pode ser controlada com bastante precisão.

Neste vídeo tem uma demonstração do cooktop funcionando:

 

Depois de ver todas essas vantagens do cooktop por indução, não tive dúvidas, comprei um cooktop 4 bocas da Electrolux.

Existem também os de 5 bocas, 3 bocas, 2 bocas e até 1 boca só.

Achei interessante o cooktop 2 bocas e de 1 boca pois são bem portáteis e dá pra levar para qualquer viagem caso queira cozinhar sua própria comida.

Uma coisa muito importante são as panelas que você precisa ter ou comprar para funcionar nos fogões por indução: fundo plano de ferro ou aço inox magnético (qualquer uma em que um imã fique grudado, é só testar).

Estou adorando o meu novo brinquedo e dá até gosto agora de limpá-lo, já que ficou muito mais fácil e prático!